sexta-feira, 29 de maio de 2009

O outro pé da Sereia...

((Ana quero lhe agradecer muito por este livro... talvez um dos mais bonitos que já li na vida... ))
O livro O outro pé da Sereia do escritor de Moçambique Mia Couto... Lindo... profundo... poético....
Trecho que separei sobre a questão do estrangeiro...

"Quem acha doce a terra natal ainda é um tenro principiante; aquele para quem toda terra é natal já é forte; mas é perfeito aquele que para quem o mundo inteiro é um lugar estrangeiro. A alma tenra fixou seu amor num único ponto do mundo; a pessoa forte estendeu seu amor a todos os lugares; o homem perfeito extinguiu o seu"!!!

"A viagem não começa quando se percorrem distâncias, mas quando se atravessam as nossas fronteira interiores. A viagem acontece quando acordamos fora do corpo, longe do último lugar onde podemos ter casa".

É uma boa forma também de entender a questão da reforma ortográfica... afinal a lingua é a mesma... mas os sentimentos que a desenham são bem diferentes... a aproximação pode gerar uma outra força...

terça-feira, 26 de maio de 2009

Criar um jabuti...

Eu sou uma pessoa que corre muito... Faço um milhão de coisas ao mesmo tempo e já não brigo mais com isto... aceitei resignada que este é o meu modo de vida... Mas eu estou sempre em busca de coisas que me façam sentir mais calma e menos pilhada.... tento ginástica (tem funcionado), caminhada (é incrível), vou partir para acumputura (acabo de virar paciente de Mestre Lõ que também me prometeu uma ajuda para largar definitivamente o cigarro) e enquanto faço tudo isto recebo alguns conselhos... Minha amiga-pilhada-mãe-empresária-em-plena-reforma me sugeriu criar um jabuti... Ele é devagar... fica lá... sem fazer nada, comendo frutas e o que mais surgir por perto... tem que ficar de olho porque no verão ele hiberna e é bom cutucar de vez em quando para saber se o ser tá vivo... Acho que nada mais no mundo poderia me irritar mais do que um ser completamente parado... parado literalmente... Qual a identificação que eu teria com um jabuti??? Nenhuma... Já imagino ficar lá trocando idéia com o coitado e ele fazendo um esforço incrível para mexer a cabeça... Odeio pessoas que falam devagar.. imagina um bicho?? Tenho medo do que poderia fazer com ele no auge da minha TPM... não sou uma pessoa de criar bichos... me dou melhor com as plantas... adoro... mexer na terra, mudar os vasos, cortar raízes, limpar folhas, tirar o mato... Tenho um predileção muito grande por ervas... e ainda não atingi a evolução para plantar rosas... o meu grande sonho. Mas planta é bom porque eu me identifico rapidamente: elas são chatas... eu também... então tá tudo certo. Um Jabuti é simpático demais pro meu gosto...

domingo, 24 de maio de 2009

Piada pronta...

O nome de Jesus o namorando da Madonna é Jesus Pinto da Luz... O que??? Pior que é de verdade... dá para entender tudo.

Loverly



Este é o novo disco da diva do jazz Cassandra Wilson. O disco ganhou o Grammy em 2009. O que eu posso dizer do disco sem levar em consideração a emoção... É um disco leve, sem muitas surpresas. Um disco de standards, ou seja temas de jazz conhecidos que são desenvolvidos dentro de uma proposta. Foi isto que Cassandra fez... Com algum peso na bateria e na percussão. Existem muitas músicas tristes... Afinal é um disco amoroso, chega a ser adorável. A voz de Cassandra impecável... Comecei a ouvir... é um daqueles trabalho que vai entrando aos poucos. Cassandra também foi produtora do disco. Um brilhante leque de Standards na companhia de músicos como Marvin Sewell na guitarra, Jason Moran no piano, Herlin Riley, bateria, Lekan Babalola, percussão e Lonnie Plaxico no baixo (ainda com a participação do baixista Reginald Veal e do trompetista Nicholas Payton). Dust My Blues" de Robert Johnson e um original da banda, baseado na sonoridade da África Ocidental, "Arere" merecem atenção especial...

terça-feira, 19 de maio de 2009

120 da Torre Eiffel

Fui eu que tirei esta foto... Ela não é linda?? Eu adoro... Um dos maiores ícones do mundo está comemorando 120 anos!!! Símbolo de Paris e também de um época, a Torre Eiffel era para ser apenas mais um atrativo de uma feira e acabou se transformando num grande exemplo do que a engenharia é capaz de fazer. Execrada pelos parisienses na época... hoje ela é amada... Mas se ir a Paris e não ver a Torre é praticamente impossível subir até o seu topo é classificado por mim, como o maior programa de índio de todos os tempos... É tipo um mico. E olha que eu estava viajando fora da temporada... mas era feriado na Itália e se a gente fala que brasileiro é sem educação... os italianos são muito piores. Barulhentos, bagunceiros e ainda por cima sujões... Então eu fiquei uma hora e meia na fila para entrar no elevador no meio de um monte de italianos falando sem parar. Subi com eles no elevador... apertado de gente. Não recomendo para claustrofóbicos. Sofrimento na certa. Embaixo o dia não era um dos melhores... estava meio chuvoso. Lá em cima... chovia granizo... tem noção?? Pedras na sua cabeça. Dizem que acontece muito...Afinal o topo fica prá lá das nuvens.... e os italianos gritando, os japoneses tirando foto e andando em grupos com explicações em japonês. Aí você vê a vista de Paris...Tem um painel bacana que mostra a direção de um monte de cidades conforme a direção que vc olha... tem até o Rio de Janeiro. Bom então é isto. Não vou ficar nesta fila tremenda para comprar nada, também não tô afim de ficar na fila para tomar café então, fila por fila é melhor ficar na do elevador para descer... Mais uma hora e meia de espera e então vc chega ao solo. Entendo que é uma coisa que as pessoas devem fazer na vida... Eu já fiz... não vou fazer mais. Gosto de vê-la ao longe, do Rio Sena ou da Sacré-coeur... é muito mais legal e não acaba com o encanto... Parabéns Torre Eiffel de qualquer forma vc é linda.

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Máquina sensitiva

Eu acho que já disse que a minha máquina de lavar era sensitiva... Sim... ela tinha uma ligação muito estranha com a minha conta corrente. Toda vez que eu tava sem grana ou no negativo, a desgraçada quebrava. Neste fim de semana ela quebrou de novo... mas foi estranho... Sua última lavagem foi o meu tapete... assim sem mais nem menos depois de terminar de lavar ela parou... E nunca mais reviveu... tentei de muitas formas, já que tinha uma porrada de roupa para lavar... bom aí eu entendi que este relacionamento... talvez o mais longo que eu já tive na vida... tinha que acabar. E muito feliz... aproveitei a redução do IPI e comprei uma Brastemp novinha com um monte de botão... que faz um monte de coisas... hoje de manhã a gente quase transou.. A máquina velha foi embora. Dei para o Assis o cara que durante estes últimos nove anos a consertou. Percebi a tristeza dele... afinal eu era uma fonte de renda que estava indo embora... aliás muitas pessoas devem estar fazendo como eu... Mas não dava mais... Eu simplesmente não aguentava mais... ela quebrava, andava pela área de serviço, parava... fora que era um saco sair correndo para colocar amaciante... A nova faz tudo sozinha... eh realmente uma nova fase na minha vida... eu to muito feliz. ehehhe

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Sobre o Oasis

Antes de mais nada, não fui ao show... Não queria. Nem se me pagassem, me levassem... sei lá... Quem foi odiou... O idiota do Lian desafinou, destratou o público e uma frase do Jotabê Medeiros no Estadão resume bem o momento da banda: "A diferença entre o Oasis e o Radiohead é abissal". É verdade... pra mim é uma banda de mentira... não gosto nem do som... Acho um absurdo suas declarações... agora ele disse que a banda é mais importante que o Rolling Stones... por favor façam este cara calar a boca!! Não dá para ser falso no rock... vc pode ser um calhorda, sacana, maluco, viciado... tudo isto e até coisas piores o rock aceita... mas falsidade...putz.... é duro de engolir...

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Da série bobagens por e.mail...

Tom me mandou por e.mail... Avisos em embalagens de produtos portugueses...
((as vezes não dá nem para acreditar que é sério))

Num secador de cabelos:
"NAO USE QUANDO ESTIVER DORMINDO"
(Sei lá, você pode querer ganhar tempo...)
Na embalagem do sabonete anti-séptico Dial:
"INDICAÇÕES: UTILIZAR COMO SABONETE NORMAL"
(Boa! Cabe a cada um imaginar pra que serve um sabonete anormal)
Em alguns pacotes de refeições congeladas Swan:
"SUGESTÃO DE APRESENTAÇÃO: DESCONGELAR PRIMEIRO"
(É só sugestão, tá ok? De repente o pessoal pode estar a fim de
chupá-las como picolé.)
Numa touca para a ducha:
"VÁLIDO PARA UMA CABEÇA"
(Alguém muito romântico poderia colocar a sua e a da amada na mesma touca.)
Na sobremesa Tiramisú da marca Tesco, impresso no lado de baixo da caixa:
"NÃO INVERTER A EMBALAGEM"
(Ops! Já era... Inverteu!)
No pudim da Marks & Spencer:
"ATENÇÃO: O PUDIM ESTARÁ QUENTE DEPOIS DE AQUECIDO"
(Brilhante!)
Na embalagem do ferro de passar Rowenta de fabricação alemã:
"NÃO ENGOMAR A ROUPA SOBRE O CORPO"
(Gostaria de conhecer a infeliz criatura que não deu ouvidos a este aviso.)
Num medicamento pediátrico contra o catarro infantil, da Boots:
"NÃO CONDUZA AUTOMÓVEIS NEM MANEJE MAQUINÁRIA PESADA DEPOIS DE TOMAR
ESTE MEDICAMENTO"
(Tantos acidentes poderiam ser evitados se fosse possível manter esses
travessos miúdos de 4 anos longe dos volantes dos carros e dos
tratores Caterpillar)
Nas pastilhas para dormir da Nytol:
"ADVERTÊNCIA: PODE PRODUZIR SONOLÊNCIA"
(Ahhhh!!! Então não quero mais!!!).
Numa faca de cozinha:
"IMPORTANTE: MANTER LONGE DAS CRIANÇAS E ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO"
(Será que lá os cachorros e gatos são ninjas disfarçados? Nunca vi
nenhum mexer em faca!)
Numa caixa de luzes para decoração de Natal:
"USAR APENAS NO INTERIOR OU NO EXTERIOR"
(Alguém pode me dizer qual é a 3ª opção?)
Nos pacotes de amendoim da Sainsbury:
"AVISO: CONTÉM AMENDOINS"
(Mania de estragar as surpresas!)
Numa serra elétrica da Husqvarna, de fabricação sueca:
"NÃO TENTE DETER A SERRA COM AS MÃOS OU OS GENITAIS"
(Como assim?)
Num saquinho de batatas fritas:
"VOCÊ PODE SER O VENCEDOR. NÃO É NECESSÁRIO COMPRAR. DETALHES DENTRO".
(Sem comentários)
Numa fantasia infantil de Super-Homem:
"O USO DESSE TRAJE NÃO O TORNA APTO A VOAR".
(Olha como isso destrói a imaginação da criança!)

quarta-feira, 6 de maio de 2009

A volta dos tomates assassinos

Num mundo dominado por mullets, ombreiras e rosa shock que foi o pântano dos anos 80, brotou de sua lama este clássico da filmografia Z... A volta dos tomates assassinos... tenho certeza que a minha vida não foi mais a mesma depois desta bobagem... Adoro a cena em que todo mundo precisa ficar mudo porque não tem mais verba para pagar os atores... aí eles decidem fazer uns merchandising rídiculos... Achei no you tube.... sensacional!!!

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Mister Magoo Forever

Hoje mais uma vez me enchi de esperanças e fui ao oftalmologista para, mais uma vez, fazer os exames e então saber se poderia operar a minha miopia. A resposta, mais uma vez, foi negativa. Não posso. Esta é a minha quarta negativa. Tenho problema na córnea, é fina e a curvatura é um tanto quanto comprometida. Posso até arriscar... se eu quiser... mas a miopia pode voltar pior ainda e os problemas podem crescer... Então vou ter que continuar a usar óculos... Só de raiva vou fazer um óculos novo!!! É eu não ligo muito... mas as vezes me incomoda... não consigo usar lente, o olho rejeita... Fiquei tristinha... achei que desta vez ia rolar... Ano passado passei a usar uma lente especial para conter pelo menos o avanço da miopia... não deu em nada. Além de tudo meu grau aumentou... Não estabiliza... este é outro fator contra a operação. Chato... Então também mereço um óculos novo escuro de grau... Vou continuar mister Magoo... forever and ever...